Marília entre dois esquemas de jogo

Em franca recuperação e sonhando com uma vaga entre os oito primeiros colocados do Campeonato Brasileiro da Série B, o Marília vai enfrentar o Remo nesta terça-feira, às 20h30, no estádio Baenão, em Belém. O time paulista é o nono colocado com 27 pontos, enquanto a equipe paraense está no desespero e tenta fugir do rebaixamento, pois soma apenas 19 pontos e está em 21º lugar. Há sete jogos sem perder, o Marília está otimista em continuar brigando pelo título. "O time está cada vez melhor e só precisamos respeitar nossos adversários", disse o técnico Luís Carlos Martins antes do embarque para Belém. Luís Carlos Martins tem duas opções para armar o time. A primeira seria a entrada do zagueiro Evaldo, em lugar do volante Ednélton, e a entrada de Wellington Amorim no ataque, em lugar de Nei Bala, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Com isso, a formação seria no 3-5-2. A segunda opção seria manter o Ednélton como o primeiro volante, colocando Anderson Lobão no ataque ao lado de Maurílio e jogando, assim, no 4-4-2.

Agencia Estado,

30 Agosto 2004 | 16h18

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.