Marília vai confiante para o Recife

Nem mesmo a derrota por 1 a 0 para o Bahia, em casa, na abertura da segunda fase do Campeonato Brasileiro da Série B, fez com que o clima de confiança baixasse no Marília. A responsabilidade, no entanto, aumentou para a partida desta terça-feira, às 20h30, contra o Náutico, no Estádio dos Aflitos, em Recife."Por se tratar de uma fase que só tem times fortes, não podemos considerar o resultado o fim do mundo. O que mudou foi nossa responsabilidade para o jogo em Recife, da qual não vamos fugir" disse o técnico Luís Carlos Martins, demonstrando confiança na recuperação.Outro fator de otimismo: o Marília poderá contar com a sua força máxima. A novidade será o retorno do volante Jéferson, que cumpriu suspensão automática. A única dúvida é quem sai: Senegal ou Ednélton. Apesar do fraco aproveitamento do ataque no jogo contra o Bahia, quando o time pouco chutou a gol, o treinador optou por manter a dupla de ataque formada por Nei Bala e Maurílio. A única coisa que terá que mudar será a pontaria. "Estivemos muito bem durante o campeonato com essa dupla e não é por este jogo que teremos que mudar", explicou Luís Carlos Martins.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.