Tasso Marcelo/Estadão
Tasso Marcelo/Estadão

Marin culpa problemas internos por crise do São Paulo

Presidente da CBF garante que não haverá virada de mesa caso time seja rebaixado

JAMIL CHADE, Agência Estado

14 de agosto de 2013 | 11h58

BASILEIA  - A crise no São Paulo é resultado de "problemas internos" do clube. A avaliação é do presidente da CBF, José Maria Marin. Em declarações à reportagem, o cartola não escondeu sua preocupação com a situação do clube pelo qual já atuou nos anos 1950 como jogador. "Isso é um problema interno do São Paulo", disse.

Marin afastou qualquer possibilidade de que o clube possa ser beneficiado por uma virada de mesa, caso ao final do campeonato esteja na zona de rebaixamento. "O regulamento será cumprido", disse. "Isso eu posso garantir. Não há qualquer chance de uma mudança", afirmou, insistindo que uma de suas prioridades é a "qualidade da arbitragem". "Todas as acusações serão avaliadas", disse.

O presidente da CBF, porém, indicou que há muito campeonato pela frente, antes de a situação do São Paulo ser decretada como definitiva. "Há muito para ocorrer ainda. Muita coisa pode ocorrer", disse. O São Paulo é o penúltimo colocado no Campeonato Brasileiro, com apenas nove pontos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.