Rahel Patrasso/Reuters
Rahel Patrasso/Reuters

Marinho lamenta empate com Corinthians, mas diz que Santos segue na caça ao líder

'Flamengo está muito na frente, mas seguimos acreditando', diz o ponta após resultado em 0 a 0 pelo Campeonato Brasileiro

Redação, Estadão Conteúdo

26 de outubro de 2019 | 20h06

Corinthians e Santos se enfrentaram em clássico válido pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro e ficaram no empate sem gols na tarde deste sábado, em Itaquera. O resultado foi frustrante para a equipe santista, tendo em vista as chances criadas no estádio do rival. Depois de sair do banco ao longo da partida, o ponta Marinho foi uma das principais referências ofensivas dos visitantes.

O jogador do clube litorâneo só não balançou a rede pelas intervenções do goleiro Cássio, autor de boas defesas na Arena Corinthians. Questionado sobre o "duelo" com o arqueiro em entrevista à TV Globo após o confronto, Marinho elogiou o rival. "A gente sabe que tem um grande goleiro do outro lado, ele é muito rápido. Parabéns para ele", disse o atacante santista, que entrou no lugar do jovem Taílson no clássico deste sábado.

Marinho também garantiu que, apesar do empate, o alvinegro praiano segue na caça ao título brasileiro: "A gente continua na luta. O Flamengo está muito na frente, mas seguimos acreditando. Isso aqui é Santos".

O meio-campista Evandro também comentou a perspectiva santista para o restante do campeonato, que ainda terá a disputa de mais 10 rodadas até sua conclusão. "Não deixa de ser um bom resultado", disse, analisando o jogo contra o Corinthians.

"Mas, pelo o que jogamos, acho que foi pouco. Tivemos o domínio do primeiro e segundo tempo. Eu saio daqui muito orgulhoso do Santos, jogamos bola o tempo inteiro", comentou, em tom crítico à tática rival.

Com o empate, o Santos chegou aos 52 pontos e segue na terceira posição. O vice-líder é o Palmeiras, que soma 54, 10 a menos que o Flamengo e nove a mais que o Corinthians. Os dois primeiros colocados ainda jogam nesta rodada: o clube carioca recebe o CSA neste domingo, às 19h. Às 18h, o time verde visita o Avaí.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.