Santos FC
Santos FC

Marinho reforça treinos do Santos após se curar da covid-19: 'Novo e zerado'

Camisa 11 ainda não sabe qual será seu destino nesta temporada; atacante sofre enorme assédio do Internacional

Redação, Estadão Conteúdo

12 de janeiro de 2022 | 17h26

O atacante Marinho ainda não sabe qual clube defenderá em 2022. O atacante do Santos sofre enorme assédio do Internacional para ser reforço em Porto Alegre. Enquanto não define seu destino, o camisa 11 comemorou a volta aos treinos após se recuperar da covid-19. "Só progresso. Novo e zerado", escreveu em seu Instagram.

Marinho iniciou a pré-temporada no CT Rei Pelé ao lado de outros três companheiros que testaram negativo e foram autorizados a retornar aos trabalhos: Vinícius Zanocelo, Luiz Felipe e Ângelo. Edu Dracena, executivo de futebol, também foi liberado para retornar às suas funções.

Depois de dois dias de testes físicos e cardiológicos, os jogadores do Santos finalmente foram a campo, em trabalho dividido nos dois períodos desta quarta-feira. Sob o comando de Fábio Carille, deram alguns piques e trabalharam jogadas de dois toques.

Antes de matarem a saudade da bola, os jogadores do Santos ainda fizeram uma última sessão de exercícios físicos na parte interna do CT. Depois, foram a campo para o primeiro trabalho mais forte sob a direção de um empolgado Carille.

Marinho abraçou os companheiros em sua volta, enquanto os reforços tentavam se ambientar. Eduardo Bauermann e Bruno Oliveira já trabalhavam desde domingo, enquanto o novo camisa 10, Ricardo Goulart, levou reforço para a torcida. Os dois pequenos filhos do jogador estavam uniformizados para ver o primeiro trabalho do novo atacante santista.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.