Mário Sérgio faz elogios para o Paysandu

Para motivar ainda mais seus jogadores, o técnico Mário Sérgio, do São Caetano, parece ter encontrado uma maneira diferente: valorizar ao máximo seus adversários. É o caso do Paysandu que vai estar no estádio Anacleto Campanella, domingo, às 16 horas, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Para o técnico, o Papão da Curuzu "é a nova face do futebol brasileiro". Os elogios não param aí. Começam nos feitos recentes da semana passada, quando o time paraense venceu o Boca Juniors em La Bombonera, por 1 a 0, pela Copa Libertadores e depois goleou o São Paulo, por 5 a 1, pelo Brasileiro. "O Paysandu defendeu a honra do Brasil na Libertadores. É um motivo que nos deixa orgulhoso de ser brasileiro", comentou o técnico, ainda elogiando o grupo de jogadores sem esquecer de enaltecer o comando do técnico uruguaio Darío Pereyra. À parte o adversário, Mário Sérgio começa a se preocupar com seu próprio time que precisa voltar a vencer. O São Caetano não vence há quatro jogos - três empates e a última derrota para o Vasco da Gama, por 1 a 0. A sua última e única vitória no Brasileirão aconteceu dia 6 de abril contra o Criciúma, por 3 a 2. Capixaba, expulso, e Marlon, com três cartões amarelos, estão fora do jogo. Mas Marco Aurélio, que cumpriu suspensão, vai voltar. O retorno do lateral Zé Carlos ainda não está definido, uma vez que ele se recupera de uma lesão muscular.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.