Washington Alves/Textual
Washington Alves/Textual

Marlone admite ansiedade por estreia pelo Cruzeiro

Meia avisa que chegou ao clube para brigar pela titularidade

AE, Agência Estado

28 de janeiro de 2014 | 17h00

BELO HORIZONTE - O meia Marlone entrou em campo com os reservas do Cruzeiro na vitória por 2 a 1 sobre o ASA, de Angola, em jogo-treino realizado nesta terça-feira, mas o reforço contratado junto ao Vasco para esta temporada não esconde a ansiedade por estrear oficialmente pela equipe.

"Quero chegar sem empurrar ninguém, mas se eu falar que não quero ser titular estou sendo hipócrita. Fica aquela ansiedade, que é grande, mas isso é normal e espero estrear bem, com vitória e quem sabe até com gol", declarou o jogador, após o jogo-treino desta terça.

Marlone exaltou o trabalho feito na pré-temporada e apostou em um Cruzeiro forte para este ano. "A gente está se entrosando a cada treino, a cada amistoso, e a tendência é essa, a cada dia você se soltar mais, cada dia você conhecer mais cada o companheiro e espero pegar ritmo o mais rápido possível me encaixar na equipe do Cruzeiro."

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCruzeiroMarlone

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.