Phil Noble/Reuters
Phil Noble/Reuters

Marlos é convocado na Ucrânia para Eliminatórias após obter passaporte do país

Meia ex-São Paulo é chamado para defender o país europeu contra Kosovo e Croácia, no começo de outubro

Estadão Conteúdo

30 de setembro de 2017 | 21h18

O meio-campista Marlos, que atua pelo Shakhtar Donetsk, foi convocado neste sábado pelo técnico da Ucrânia, Andriy Shevchenko, para os dois últimos compromissos do país pelo Grupo I das Eliminatórias Europeias da Copa do Mundo de 2018, contra Kosovo e Croácia, nos dias 6 e 9 de outubro, respectivamente.

O brasileiro, de 29 anos, que no Brasil atuou por Coritiba e São Paulo, chegou à Ucrânia em 2012 para jogar pelo Metalist Kharkiv. Dois anos depois, o jogador se transferiu para o Shakhtar, clube pelo qual atuou em 180 partidas e marcou 34 gols.

Marlos recebeu o passaporte ucraniano na sexta e, desta forma, ficou em situação legal para ser chamado pela Federação da Ucrânia de Futebol (FFU, na sigla em inglês). Agora, ele deverá se juntar aos demais 25 jogadores relacionados por Shevchenko para iniciar os treinamentos.

+ Grade cede e torcedores ficam gravamente feridos em jogo do Francês

+ Neymar faz 2 de bola parada, encerra polêmica com Cavani e PSG atropela Bordeaux

"Este é um momento muito emocional para mim. Estou extremamente feliz por me tornar um cidadão ucraniano e ter a chance de jogar pela seleção nacional. Preciso de algum tempo para aprender a língua", frisou o jogador em entrevista a um canal de TV ucraniano.

A Ucrânia ocupa o quarto lugar da sua chave nas Eliminatórias, com 14 pontos, mas ainda tem chances de classificação para o Mundial da Rússia. Para tanto, precisa vencer seus dois jogos e torcer por um tropeço da Croácia, líder com 16 pontos, contra a Finlândia na próxima rodada. A Islândia, vice-líder com 16 pontos, e a Turquia, terceira colocada com 14, se enfrentam na próxima quinta, no país turco.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.