Divulgação/Atlético-MG
Divulgação/Atlético-MG

Marquinhos comemora golaço, mas diz que preferia vitória do Atlético-MG

Revelação do clube se diz insatisfeito com resultado do time em partida dentro de casa contra o Tombense

Redação, Estadão Conteúdo

02 de fevereiro de 2020 | 19h46

Mesmo jogando em casa, no estádio Independência, o Atlético ficou apenas no empate pelo placar de 1 a 1 com o Tombense, pela quarta rodada da primeira fase do Campeonato Mineiro. Autor do gol do time, o jovem meia-atacante Marquinhos falou sobre o belo tento que marcou, mas admitiu que preferia a vitória.

"Um gol bonito, mas, infelizmente, não saiu a vitória. Para mim, eu preferia mais a vitória, do que o gol. Mas agora é trabalhar cada vez mais para seguir evoluindo isso é importante já para a próxima semana", disse o jogador em entrevista logo na saída do gramado.

Segundo Marquinhos, o Atlético tinha condições plenas de vencer. Porém, agora o foco será em corrigir os erros cometidos nesta partida. "Com todo respeito ao adversário, hoje tínhamos que ter saído vitoriosos. Nosso time tem jogadores muito qualificados, mas infelizmente não saiu o resultado. Agora é trabalhar para a vitória voltar a sair".

Agora, o Atlético deixa o Campeonato Mineiro "de lado" para focar na estreia da Copa Sul-Americana. O time brasileiro estreia nesta quinta-feira, fora de casa, contra o Unión Santa Fé, na Argentina. O jogo de volta será no dia 20 em Belo Horizonte. Por isso, o técnico Rafael Dudamel fez uma analise da atuação do time reserva.  

"A análise da partida passa por dois enfoques. Pensando apenas no jogo, fomos bem, mas pecamos demais nos últimos lances, na hora de concluir em gol. E também precisamos ficar mais atentos na defesa. Mas pensando no futuro, deu para perceber que posso contar com alguns jogadores, que precisam estar em campo para evoluir. E contarei com eles novamente na Sul-Americana".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.