Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Marquinhos Gabriel reclama do árbitro: 'Quando o Corinthians é favorecido, todo mundo fala'

Carille cobra árbitros mais experientes em jogos de times grandes

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

06 Outubro 2016 | 07h00

Os jogadores do Corinthians deixaram o Itaquerão irritados com a atuação do árbitro Rodolpho Toski Marques, que marcou falta do atacante Gustavo, em lance que o jogador fez o gol que daria a vitória da equipe sobre o Atlético-MG, nesta quarta-feira. O meia Marquinhos Gabriel adotou da ironia para criticar a arbitragem.

"Achei que a gente foi merecedor da vitória, tivemos um gol mal anulado e quando o Corinthians é favorecido, todo mundo vai falar. Contra o Botafogo também tomamos um gol impedido e é hora de falar disso", desabafou o meia corintiano. Irritado, Marquinhos Gabriel continuou. "Quando o Corinthians é favorecido, a mídia fala para caramba, mas hoje fomos prejudicados novamente".

O técnico Fabio Carille adotou um discurso mais político, mas acabou até defendendo a expulsão do volante Leandro Donizete. "Vamos ver o lance direito, porque segundo o Gabriel ele iria tirar a bola de cabeça e levou uma entrada por trás. Se foi assim, na minha opinião, deveria ter o cartão amarelo (para o Gustavo). O cartão do Leandro Donizete foi ridículo. Eu achei o árbitro um pouco inexperiente".

Notícias relacionadas
Mais conteúdo sobre:
Corinthians

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.