Lucas Figueiredo/CBF
Lucas Figueiredo/CBF

Marquinhos minimiza perda da titularidade na Copa e quer mostrar 'experiência'

Zagueiro do PSG foi reserva de Thiago Silva e Miranda no Mundial da Rússia

Estadão Conteúdo

05 Setembro 2018 | 21h12

Antes do primeiro teste da seleção brasileira após a Copa do Mundo, o zagueiro Marquinhos fez questão de minimizar a perda da titularidade às vésperas do torneio. Depois de ser o titular de Tite durante a maior parte da preparação, ele perdeu a posição para seu companheiro de Paris Saint-Germain, Thiago Silva, nos últimos amistosos antes da viagem à Rússia.

"Na Copa, foi opção do treinador, mas estou tranquilo. Sei que meu momento na seleção vem em um processo. Penso hoje, no agora, quero fazer um bom papel em campo para que me vejam como um grande zagueiro que passa confiança", declarou em entrevista coletiva nesta quarta-feira, às vésperas do confronto amistoso diante dos Estados Unidos.

Uma das justificativas levantadas para a opção de Tite foi a maior experiência de Thiago Silva, que tem 33 anos. Agora, Marquinhos, com 24, quer aproveitar este início de novo ciclo para mostrar que também é experiente e dominar uma das vagas na zaga da seleção.

"A melhor resposta é dentro de campo, com atuações maduras. Assim, todos vão me ver como um jogador experiente. Tentei fazer isso já nas Eliminatórias", apontou. "A Copa do Mundo é um ápice, foi a minha primeira, um caso a parte. Acompanhei como um torcedor privilegiado, vivi coisas muito boas e tentei tirar de aprendizado."

Marquinhos é um dos 11 remanescentes da Copa da Rússia que foram convocados por Tite para os amistosos contra Estados Unidos e El Salvador. Tite optou por uma considerável renovação no elenco e chamou nomes que nunca haviam vestido a camisa da seleção, como o goleiro Hugo, o zagueiro Felipe, os meias Lucas Paquetá e Andreas Pereira e os atacantes Richarlison e Everton.

"É importante ter essa mistura de experientes e jovens. É uma mescla que eu gosto. Lembro da minha estreia, foi aqui nos Estados Unidos, acho que contra o Panamá. Foi um momento único, o último jogo antes da Copa de 2014. E tenho esse momento gravado na memória", recordou.

Marquinhos treinou entre os titulares e estará em campo nesta sexta, quando a seleção enfrentar os norte-americanos no MetLife Stadium, em New Jersey. Quatro dias mais tarde, o Brasil encara El Salvador novamente no país, no FedEx Field, em Washington.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.