Martino deixa claro de novo que está poupando Neymar

Após a goleada sobre o Levante, o técnico Tata Martino deixou claro que está poupando Neymar e que, em breve, deverá escalá-lo como titular do Barcelona. "Neymar está chegando a uma nova equipe e acabou de jogar a Copa das Confederações. Temos a obrigação de escalá-lo pouco a pouco", disse o argentino, que não se importa com a pressão da torcida pela escalação imediata do brasileiro ao lado do argentino Lionel Messi.

AE, Agência Estado

18 de agosto de 2013 | 17h52

"Se eu escalá-lo de imediato, apenas para agradar a torcida, estaria causando um dano ao jogador. Não há pressa. Tenho certeza de que estará pronto em breve. Ele só precisa de um pouco mais de tempo", avaliou Tata Martino.

A substituição de Messi, aos 25 minutos do segundo tempo, também foi uma saia justa para o novo treinador. "Se o jogo estivesse equilibrado, não o teria tirado. Ninguém é tão louco assim. Como a partida se resolveu todo no início, temos de dosar os esforços e pensar na temporada, que é longa e cansativa".

Por outro lado, o atacante Alexis Sanchez, que disputa a posição com Neymar no Barcelona, está se sentindo prestigiado. "As coisas estão indo muito bem com Tata. Todos estão me dando confiança. Essa partida foi muito importante para mim", disse o chileno.

O técnico do Levante, Joaquín Caparrós, comparou a atuação da equipe à do Santos, que levou 8 a 0 do mesmo Barcelona no começo do mês de agosto, em um amistoso. "Faltou agressividade. Jogamos como o Santos. Parecia uma partida festiva, de homenagens".

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBarcelonaNeymarGerardo Martino

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.