Mascherano deve operar na Argentina

O volante argentino Javier Mascherano - que sofreu uma fratura por estresse no pé esquerdo - poderá ser operado na Argentina. A decisão sobre o local da operação deverá ser tomada ainda nesta quinta-feira. A cirurgia está prevista para acontecer no sábado, segundo informou nesta quinta-feira o médico do Corinthians, Paulo Faria. Mascherano, 21 anos, deverá ficar inativo por cerca de três meses e por conta disso, não deverá jogar mais este ano. Em entrevista à Rádio Jovem Pan, o médico do Corinthians confirmou que a cirurgia poderá ocorrer em Buenos Aires por conta da preocupação da comissão técnica da seleção argentina com o estado clínico do jogador. Paulo Faria negou que Macherano - contratado em julho - tivesse chegado ao clube já contundido. ?Não há a menor possibilidade de isso ter ocorrido. Ele foi submetido a todos os testes e exames e foi aprovado. Tanto é que estava jogando normalmente no River (Plate); estreou bem no Corinthians no clássico contra o Palmeiras, participou de vários outros jogos e não saiu de nenhum treinamento por causa disso. Detectamos em exames recentes que ele estava com edema no osso, que evoluiu para a fratura?, explicou. ?Além disso, nem haveria possibilidade de ele ter escondido a contusão?, acrescenta o médico.O principal motivo apontado para o surgimento do problema é o fato de Mascherano estar sem férias há três anos. Quando não estava atuando pelo River Plate jogava pelas seleções argentinas (de base e principal). Mesmo sendo jovem, o desgaste é inevitável. O volante custou cerca de US$ 12 milhões (aproximadamente R$ 36 milhões na época da contratação) e disputou oito partidas apenas pelo Corinthians.Mascherano lamentou a situação. ?Estou muito triste com tudo isso. Ainda mais porque eu cheguei há muito pouco no Corinthians. É lamentável que muita gente tenha confiado em mim e eu não tenha conseguido jogar?, disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.