Mascherano ficará 3 meses afastado

O jogador argentino Javier Mascherano, do Corinthians, vai passar os próximos três meses recuperando-se da operação no pé esquerdo, a que foi submetido no último final de semana. "El Jefecito" (O Chefinho) como é chamado por colegas e fãs na Argentina, somente poderá voltar a jogar a partir do início do ano que vem. Até o fim deste ano, segundo informam os médicos, ele ficará "de remojo" (expressão argentina para indicar "de molho"). Mascherano teve o que os médicos diagnosticaram como uma fratura por estresse no osso navicular do pé esquerdo ? fica no chamado ?peito do pé?. Na cirurgia ele teve implantado um parafuso de titânio no osso. Horas antes da operação, realizada no sábado, o ex-jogador do River, admitiu estar angustiado: "o que mais me preocupa não é o fato de que a Copa do Mundo esteja próxima, mas sim, não poder jogar nesta temporada. Há pouco tempo que cheguei ao Corinthians e quero me recuperar em breve. E teria gostado de jogar contra o River". Corinthians e River se enfrentam no próximo dia 28 de setembro, pelo jogo da volta das oitavas-de-final da Copa Sul-Americana. Fontes médicas indicaram que a operação havia transcorrido "normal, sem problemas". Estiveram presentes à operação o médico da seleção argentina, Donato Villani, além de médicos dos times River Plate e Corinthians.O presidente do MSI, Kia Joorabchian, em entrevista ao jornal "Perfil"disse que lamentava o acidente de Mascherano: "ele não teve sorte com esta lesão. Foi um infortúnio".Joorabchian não poupa elogios para "El Jefecito": "para mim, é o melhor do mundo em sua posição. Também gosto de Claude Mekelele, do Chelsea, mas Mascherano é mais jovem".O empresário iraniano desmente os rumores que indicam que Mascherano deixaria o Corinthians para partir para um time europeu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.