Mascherano revela desejo de deixar o Liverpool

O novo técnico do Liverpool, Roy Hodgson, revelou nesta terça-feira que o volante Mascherano já manifestou o desejo de deixar o clube. O provável destino do jogador, que foi capitão da seleção argentina na Copa do Mundo na África do Sul, é a Inter de Milão.

AE-AP, Agência Estado

27 de julho de 2010 | 12h29

"Ele quer deixar o clube. Já deixou isso muito claro", afirmou Hodgson, lembrando, porém, que o volante ainda tem contrato até 2012. Mas o futuro de Mascherano deve ser mesmo a Inter de Milão, agora comandada pelo seu ex-técnico no Liverpool, o espanhol Rafa Benítez.

Revelado pelo River Plate, Mascherano passou rapidamente pelo Corinthians antes de chegar ao futebol inglês. Ele está no Liverpool desde 2007, depois de jogar também no West Ham. E, segundo Hodgson, o caso do volante argentino está agora nas mãos da diretoria do clube.

Hodgson também explicou nesta terça-feira que ainda conta com o atacante espanhol Fernando Torres, apesar das especulações sobre uma possível negociação. "Ele está curtindo as férias (após o título na Copa do Mundo) e se apresenta de volta na segunda", afirmou o treinador.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolLiverpoolMascherano

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.