Vitor Silva/ SS Press/ Botafogo
Vitor Silva/ SS Press/ Botafogo

Matheus Fernandes diz que duelo com o Ceará será uma 'final' para o Botafogo

Time carioca visita o adversário no Castelão em confronto direto contra o rebaixamento

Estadao Conteudo

10 Outubro 2018 | 20h22

Um dia depois do empate com o Vasco, o Botafogo se reapresentou nesta quarta-feira e já iniciou a preparação para o duelo com o Ceará. Na próxima segunda, o time carioca visita o adversário no Castelão em confronto direto contra o rebaixamento, que o volante Matheus Fernandes considerou uma "final".

"Sempre bato na mesma tecla que todo jogo para nós é uma final. Agora, mais do que nunca, porque estamos próximos de uma zona desconfortável. Queremos chegar lá em cima e precisamos vencer, jogar bem e buscar as vitórias. Agora, vai começar a definir a galera que vai ficar na parte debaixo e a galera que vai brigar na parte de cima, quem sabe até buscando uma vaga para a Libertadores. Será um jogo muito importante e temos que entrar mesmo como se fosse uma final", declarou.

Além da dificuldade de jogar em Fortaleza, o volante pediu atenção ao time do Ceará, que vem se recuperando no Brasileirão e já ocupa a 17.ª posição, com 30 pontos, quatro atrás do Botafogo, 12.º. "O Ceará teve um crescimento dentro do campeonato, com um contra-ataque bem definido, e tem feito alguns gols assim. Temos que estar ligados com isso."

Com a lesão de Jean, Matheus Fernandes tem sido titular do Botafogo e vem se destacando no trio de volantes, formado também por Rodrigo Lindoso e Gustavo Bochecha. Com Bochecha, aliás, o entrosamento vem desde a base do clube alvinegro, e, por isso, Matheus fez questão de elogiar o colega.

"É muito bom, sempre conversei com ele (Bochecha) desde que subimos sobre a oportunidade de jogarmos juntos. Tivemos algumas oportunidades, mas não conseguimos dar aquele dinamismo ao time, mas nessa partida fomos bem, nos entregamos bastante e conseguimos oportunidades de gols saindo dos nossos pés. Espero ajudar no crescimento dele, assim como ele ajuda no meu", comentou.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.