Franck Fife/ AFP
Franck Fife/ AFP

Matuidi descarta França favorita: 'Portugal não é só Cristiano'

Meia vê Griezmann como candidato à Bola de Ouro

Estadão Conteúdo

08 de julho de 2016 | 21h08

O meio-campista francês Matuidi descartou nesta sexta-feira qualquer favoritismo da França na decisão contra Portugal no duelo marcado para domingo, às 16h (horário de Brasília), no Stade de France, em Saint-Denis, na Grande Paris.

"Estamos igualados. Portugal verdadeiramente fez uma competição muito boa. Tem muitos bons jogadores. Será uma grande final, com duas grandes seleções", comentou o jogador. "Portugal não é só Cristiano Ronaldo."

Matuidi elogiou o elenco adversário e espera um jogo complicado, apesar de Portugal ter empatado cinco partidas e vencido apenas País de Gales na semifinal. "Não vai ser fácil, a gente sabe disso. Em uma final não adianta apenas jogar bem, é necessário ganhar."

O meio-campista tem razão. E a frase vale também para outras fases, pois a França jogou pior do que a Alemanha na semifinal, mas aproveitou as oportunidades que teve e saiu de campo com uma vitória por 2 a 0. Por isso, Matuidi evitou fazer prognósticos. "Vamos fazer o máximo para ganhar e fazer com que todas as pessoas que nos apoiaram até aqui fiquem ainda mais orgulhosas."

Sobre o companheiro Antoine Griezmann, artilheiro da Eurocopa com seis gols, Matuidi rasgou elogios. "É um grande candidato à Bola de Ouro. Se pudesse votar, votaria nele. O que tem feito é excepcional e espero que continue fazendo no domingo. Ter um jogador na equipe com o talento dele é uma sorte", elogiou.

Mesmo se não ganhar o título, Griezmann já fez história nesta edição. Ao marcar os dois gols no duelo contra a Alemanha, se juntou a Michel Platini como únicos atletas que fizeram mais de cinco gols em uma edição da Euro. O craque francês da década de 1980 marcou nove vezes durante a vitoriosa campanha de 1984.

MERCADO

Matuidi disputou a última temporada pelo Paris Saint-Germain e evitou comentar os rumores de que pode acertar com o Manchester United na próxima temporada. "Vivo este momento agora, estou concentrado apenas nisso. Não pretendo falar sobre outras questões. Estou vivendo um momento excepcional que pode ser que nunca mais aconteça."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.