Mau desempenho do Brasil é responsável pelo empate com México

Atuação dos brasileiros não convence 47% dos leitores do 'Estado'

O Estado de S. Paulo

18 de junho de 2014 | 09h45

Após muitos elogios e uma boa atuação da seleção brasileira contra a Croácia, na vitória de 3 a 1 na abertura da Copa do Mundo, a performance dos comandados de Luiz Felipe Scolari na Arena Castelão, diante do México, não agradou 47,68% dos leitores do Estado.

Na opinião de 27,39% dos participantes da enquete, as boas defesas do goleiro Guillermo Ochoa foram responsáveis pelo resultado sem gols. Em terceiro lugar, a própria atuação de Felipão, para 26,38% dos leitores foi decisiva para o empate em Fortaleza.

A ausência de Hulk e a ineficiência de Oscar, Fred e Paulinho podem ter contribuído para a fraca atuação do Brasil. O poder de marcação dos jogadores mexicanos, incluindo as belas defesas de Ochoa, numa cabeçada e em chute de Neymar, foi fundamental para segurar as investidas brasileiras.

Felipão apostou em Jô, Bernard e Willian, que não conseguiram mudar a dinâmica do jogo. Os mexicanos ainda levaram perigo ao gol de Julio César em chutes de fora da área, com Herrera, Vazquez e Guardado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.