Daniel Ramalho/ CRVG
Daniel Ramalho/ CRVG

Maurício Souza assume Vasco e promete reverter rejeição de parte da torcida

Novo treinador não tem ampara dos torcedores cruz-maltinos e precisará superar desconfiança em seu primeiro trabalho comandando efetivamente uma equipe profissional

Redação, Estadão Conteúdo

14 de junho de 2022 | 20h48

O técnico Maurício Souza foi apresentado oficialmente, nesta segunda-feira, como novo técnico do Vasco. Aos 48 anos, com títulos nas categorias de base do Flamengo, time no qual também chegou a comandar de forma interina o profissional, além de ter sido auxiliar de Maurício Barbieri, em 2018, Mauricinho aposta que vai reverter a situação atual de rejeição de parte da torcida do time de São Januário.

"Entendo todo tipo de rejeição e mensagens que recebi dizendo para eu não vir. Torcedor é apaixonado. Sei que eles gostariam que estive aqui um Tite, um Guardiola. Também recebi mensagens de apoio. Trato tudo isso com naturalidade", disse o treinador. "Eu queria chegar aqui completamente abraçado pelo torcedor, não foi possível. mas tenho certeza de que conseguiremos reverter isso. Quero fazer com que a torcida do Vasco tenha talvez a mesma aprovação que tive pela torcida do Flamengo."

O treinador demonstrou saber a missão que terá pela frente. "É o maior desafio da minha carreira, sei da pressão que vou encontrar, estou tranquilo, eu busquei esse momento para minha vida. É aceitar as possíveis rejeições e mostrar e tentar reverter com o trabalho e os resultados. É um sonho de menino estar aqui para comandar o Vasco. Vasco não é um convite, é uma convocação. Era impossível negar uma convocação do Vasco. Só falei para o Brazil (Carlos, gerente executivo do Vasco) que não dava para fazer um contrato tampão", afirmou, Maurício Souza, que assinou contrato até o fim do ano.

O novo comandante vascaíno mostra confiança e otimismo com relação ao futuro do time nesta temporada. A equipe é a terceira colocada na Série B do Brasileiro. "O time já vem apresentando uma evolução. Mas não pode parar por aí. Queremos dar seguimento a um time que vem jogando bem. Não cabe a mim chegar aqui e trocar jogadores porque eu gosto. Estou à vontade. Me sinto em casa. Vou dedicar esses meses da minha vida ao Vasco. Vou dedicar para fazer o Vasco voltar à elite do futebol brasileiro, de preferência com título. O Vasco entra em campeonato para ganhar. Esse é o recado que deixo para torcida."

Maurício Souza deu uma amostra do que pretende implementar no Vasco. "Minha ideia é que a equipe tenha variações dentro do jogo. Mas a primeira ideia é que pressione o adversário e tenha o controle do jogo com a posse de bola."

Maurício Souza fará sua estreia no comando do Vasco, sábado, em Londrina, no Paraná, em duelo válido pela 13ª rodada da Série B do Brasileiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.