Maxi Biancucchi foi oferecido ao Palmeiras, diz Kleina

O técnico Gilson Kleina revelou nesta sexta-feira que o atacante Maxi Biancucchi, do Vitória, foi oferecido e que ficou sabendo do fato pela imprensa. O treinador, claramente incomodado com a situação, disse não participar de nenhuma negociação de reforços para a próxima temporada.

DANIEL BATISTA, Agência Estado

18 de outubro de 2013 | 12h38

"Eu não participei de conversa nenhuma. Fiquei sabendo da especulação, conversei com a diretoria e eles me passaram que ele foi oferecido ao Palmeiras. Não estou participando de nenhuma negociação de jogadores e não falo de nomes até porque estamos focados na Série B", disse o treinador.

Kleina tem contrato até o fim da temporada e até o momento não foi chamado para renovar contrato. Sempre que questionado sobre o assunto, o técnico se esquiva e diz que só pensa em atingir o objetivo, que é o acesso para a Série A. "Depois de garantirmos isso, aí sim vamos sentar e discutir o que é melhor para os dois lados. Por enquanto, em nenhuma das reuniões que tivemos foi falado sobre reforços ou qualquer coisa sobre o futuro", explicou.

O Palmeiras, líder da Série B com 65 pontos, volta a campo neste sábado para enfrentar o Bragantino, às 16h20, em Bragança Paulista, pela 31ª rodada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.