LOIC VENANCE / AFP
LOIC VENANCE / AFP

Real Madrid oferece R$ 321 mi por liberação imediata de Mbappé, diz influente empresário

Mbappé quer ser a estrela do time espanhol e recusou proposta tentadora de renovação de contrato dos franceses

Redação, O Estado de S.Paulo

04 de janeiro de 2022 | 20h55

O Real Madrid está disposto a contar com os serviços do atacante francês Kylian Mbappé já neste começo de 2022. De acordo com o influente empresário Giovanni Branchini, responsável por grandes negociações na Europa, o clube merengue oferece 50 milhões de euros (aproximadamente R$ 321 milhões) para o Paris Saint-Germain liberar o jogador imediatamente.

A janela de transferências está aberta na Europa e Mbappé já pode assinar um pré-contrato com um novo clube. O francês evita declarações polêmicas para não entrar em rota de colisão com o PSG, mas não esconde sua vontade de respirar novos ares. Seu contrato vence em junho.

Mbappé quer ser a estrela do Real Madrid, onde jogaria ao lado do compatriota Benzema, e recusou proposta tentadora de renovação de contrato dos franceses. Prefere aguardar o término do acordo, no meio do ano, para vestir a camisa merengue. Os espanhóis, porém, querer antecipar o acerto e evitar enfrentá-lo nas oitavas de final da Liga dos Campeões, em fevereiro.

"Depende do PSG. O Real Madrid quer contar com Mbappé de imediato e ofereceu 50 milhões de euros. Não sei como resultará. Certamente me parece que a iniciativa de Florentino Perez (presidente do Real Madrid) merece atenção", disse Giovanni Branchini em entrevista à Gazzetta dello Sport. "Em uma última instância, seria uma lástima para todos que um jogador deste nível fosse negociado no verão europeu em uma transferência gratuita."

Branchini é um agente de enorme prestígio e respeito na Europa. Foi o responsável por levar Cristiano Ronaldo do Sporting para o Manchester United e já auxiliou em transferências de Romário e Ronaldo no continente. Tem tráfego entre os grandes presidentes e é bem informado sobre o mercado internacional.

Quando ele diz que não sabe qual será o desfecho do negócio, deixa claro a intenção de o PSG segurar o seu atacante até o fim da temporada, mesmo com o risco de perder dinheiro. Os franceses sonham com o inédito título da Liga dos Campeões e acreditam ter chances com a manutenção de Mbappé.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.