AFP PHOTO / FRANCK FIFE
AFP PHOTO / FRANCK FIFE

Mbappé revela que jogou a final da Copa do Mundo com lesão nas costas

Eleito melhor jogador jovem do Mundial, atacante atuou também na semifinal com o problema

Estadão Conteúdo

24 de julho de 2018 | 21h58

Grande astro da seleção da França, campeão do mundo na Rússia, o atacante Kylian Mbappé revelou que jogou tanto a semifinal quanto a grande decisão da Copa do Mundo com uma lesão nas costas. Segundo o jovem jogador, de apenas 19 anos, ele deslocara três vértebras às vésperas destes jogos decisivos.

+ Com Mbappé em alta, Neymar tem o desafio de ser amado no PSG

+ Neymar fica fora da lista de finalistas ao prêmio de melhor do mundo da Fifa

Sem revelar como se machucou, o atleta revelou em entrevista à revista France Football que deslocou as vértebras da coluna três dias antes do jogo contra a Bélgica, pela semifinal. Os franceses venceram o duelo por 1 a 0. Na decisão, houve novo triunfo, desta vez sobre a Croácia, pelo placar de 4 a 2.

"Era essencial não alertar os nossos oponentes. Caso contrário, eles poderiam tirar vantagem ao acertarem esta região mais sensível do meu corpo. Foi por isso que mantivemos isso em sigilo, com todos os jogadores e a comissão técnica, até mesmo para a final da Copa", declarou o jogador do Paris Saint-Germain.

O segredo deu resultado porque o jogador não agravou a lesão nestes dois jogos em que atuou machucado. Pelo contrário: Mbappé se destacou nas duas partidas. Terminou a Copa com quatro gols, sendo um deles marcado justamente na final. Foi o primeiro jogador com menos de 20 anos a marcar numa decisão desde que Pelé balançou as redes por duas vezes na final da Copa do Mundo de 1958.

Na mesma entrevista, o atacante admitiu que está na briga pela Bola de Ouro, prêmio concedido pela própria revista. Ele espera estar na disputa pela honraria ao lado do brasileiro Neymar, seu companheiro de clube, de Cristiano Ronaldo, Luka Modric e Raphael Varane, seu compatriota.

Na lista dos dez finalistas ao prêmio de melhor do mundo, que será entregue pela Fifa, todos estes jogadores, com exceção de Neymar, foram incluídos na relação divulgada nesta terça-feira.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.