Meia José Amaya não vai mais jogar no Santos

Presidente do Nacional disse que o negócio foi encerrado por falta de entendimento sobre o pagamento

EFE

29 de agosto de 2008 | 19h14

O meia colombiano José Amaya não irá mais para o Santos e permanecerá no Atlético Nacional, informaram fontes da equipe colombiana nesta sexta-feira.   Veja também: Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão   O presidente do Atlético Nacional, Víctor Marulanda, confirmou a notícia após dizer que a proposta da equipe brasileira não atendeu as expectativas, o que fez com que a negociação não tenha chegado a um final feliz.   "Nós já decidimos que o jogador fica com Atlético Nacional, porque não se chegou a um acordo. Tínhamos definido uma condição e desde a noite de ontem [quinta-feira] se definiu que José Amaya fica o resto de temporada com Atlético Nacional", declarou nesta sexta-feira o presidente da equipe.   "O Santos começou com um valor, o Nacional não concordou. Depois chegamos a um ponto intermediário, mas depois houve uma espécie de diferença na forma de pagamento e foi aí que tudo recuou. Então eles decidiram ficar com um jogador que tinham lá", acrescentou o presidente do Nacional.   Marulanda reconheceu que certamente Amaya ficará um pouco frustrado, porque tinha dito que jogar no Brasil era um sonho que esperava cumprir.   "É normal que, de repente, ele possa ficar um pouco frustrado, mas ele é um jogador profissional, um jogador de seleção e que sabe que tem que continuar fazendo história dia a dia com o Nacional, que é onde seguirá trabalhando. Vou conversar com ele", concluiu Marulanda.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.