Arquivo/AE
Arquivo/AE

Meia Vidal, lesionado, é cortado do Chile nas Eliminatórias

Meia não se recupera de problema no olho direito e não entra em campo nos jogos contra Peru e Uruguai

EFE,

25 de março de 2009 | 16h47

O meia Arturo Vidal não se recuperou de um problema no olho direito e acabou cortado da seleção chilena para os dois próximos jogos das Eliminatórias Sul-Americanas à Copa do Mundo de 2010, contra Peru e Uruguai.

Veja também:

tabela Classificação

lista Calendário / Resultados

O jogador do Bayer Leverkusen foi examinado pelo departamento médico e segue com problemas ligados a uma fratura no arco do supercílio do olho direito, sofrida em março. Ele só deve retornar aos gramados em meados de abril.

Na terça, o técnico argentino Marcelo Bielsa convocou de surpresa mais três jogadores para a seleção, talvez já prevendo a ausência de Vidal e do atacante Fabián Orellana, com problemas musculares. Ele chamou os meias Pedro Fuenzalida e Fernando Meneses, ambos do O'Higgins, e o atacante Emilio Hernandez, do Universidad do Chile.

Outra preocupação do treinador é o fato de nove jogadores estarem pendurados com dois amarelos, o que pode prejudicar a escalação no confronto diante dos uruguaios.

Apesar de os treinos serem com portões fechados, a imprensa local conseguiu informações de que Bielsa vem treinando um esquema 4-3-3, com a seguinte escalação: Bravo; Jara, Ponce, Estrada e Cereceda; Isla, Carmona e Matías Fernández; Sánchez, Humberto Suazo e Mark González.

O Chile aparece em quarto na classificação das Eliminatórias Sul-Americanas com os mesmos 16 pontos da Argentina, mas atrás nos critérios de desempate. O Brasil é o segundo, com 17, e o Paraguai aparece na liderança, com 23.

A equipe visita a seleção peruana diante no próximo dia 29, em Lima, e depois encara o Uruguai em 1.º de abril na cidade de Santiago.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.