Bruno Cantini/Atlético-MG
Bruno Cantini/Atlético-MG

Melhor ataque do Brasileirão, Atlético-MG confia em quarteto contra o Botafogo

Thiago Larghi confirma setor ofensivo com Juan Cazares, Ricardo Oliveira, Chará e Nathan para duelo fora de casa

Estadão Conteúdo

19 Agosto 2018 | 05h34

Confiante no sistema ofensivo para a continuidade do Brasileirão, o Atlético Mineiro vai entrar em campo contra o Botafogo, às 16 horas deste domingo, no Engenhão, no Rio de Janeiro. Uma vitória da equipe do técnico Thiago Larghi vai manter o time na briga pelas primeiras posições na tabela.

O time mineiro está em quinto lugar no torneio, com 30 pontos, oito a menos do que o São Paulo, o líder da competição. A campanha garante que o Atlético-MG vai terminar o primeiro turno dentro da zona de classificação para a próxima edição da Copa Libertadores.

Para conquistar o resultado, o treinador confirmou que o quarteto ofensivo contra o Botafogo terá o equatoriano Juan Cazares, que ganhou a vaga do argentino Tomás Andrade. Ricardo Oliveira, no centro do ataque, o ponta colombiano Chará e o meia Nathan completam o setor.

Mesmo sem Róger Guedes, que deixou o time quando era o artilheiro do Brasileirão, com nove gols em 12 jogos, o Atlético-MG se consolidou como o melhor ataque do torneio, com 33 bolas na rede em 18 rodadas. Quem lidera a estatística no elenco é Ricardo Oliveira, que marcou nove vezes em 17 partidas.

Uma alteração no meio de campo vai acontecer por causa da suspensão de Elias, autor do primeiro gol do Atlético-MG na vitória por 3 a 1 contra o Santos, no último domingo, em casa, mas que recebeu na partida o sexto cartão amarelo dele no Brasileirão. O substituto será Matheus Galdezani.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.