Valdrin Xhemaj/ EFE
Valdrin Xhemaj/ EFE

Mercedes não descarta a possibilidade de contratar o alemão Sebastian Vettel

Piloto alemão não vai renovar seu contrato com a Ferrari e pode ocupar a vaga de Lewis Hamilton ou Valtteri Bottas

Redação, O Estado de S.Paulo

03 de junho de 2020 | 17h45

Toto Wolff, chefe da equipe Mercedes, admitiu, nesta quarta-feira, que não descarta a possibilidade de contratar Sebastian Vettel na próxima temporada da Fórmula 1 para a vaga de Lewis Hamilton ou Valtteri Bottas. O piloto alemão não vai renovar seu contrato com a equipe Ferrari ao final da temporada.

"Não podemos dizer 'não' imediatamente para um pilto quatro vezes campeão mundial", disse Wolff, referindo-se a Vettel, que ganhou todos os seus títulos pela equipe Red Bull.

"Você precisa pensar nisso. Temos uma formação fantástica (Hamilton e Bottas) e estou muito feliz com nossos pilotos, além de George (Russell na Williams). Mas você nunca sabe. Um deles pode decidir que ele não quer correr mais e de repente você tem um lugar vago e é por isso que eu não quero sair em junho e dizer 'sem chance para Sebastian correr por nossa equipe'".

Wolff continuou sua tese. "Se eu tivesse lhe dito em janeiro que não teríamos qualquer corrida na primeira metade do ano, ninguém teria acreditado nisso. Então, nesse aspecto, estamos apenas mantendo nossas opções abertas."

A Fórmula 1 anunciou nesta terça-feira, por meio de comunicado oficial, um plano detalhado de temporada com oito corridas sem público, em apenas nove semanas.

As duas primeiras corridas serão na Áustria, dia 5 e 12 de julho. Depois a sequência: Hungria, Inglaterra (rodada dupla), Espanha, Bélgica e Itália, dia 6 de setembro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.