Mesmo após eliminação, técnico elogia time da Ponte

O técnico Marco Aurélio gostou da atuação do time da Ponte Preta nesta terça-feira, mesmo com a eliminação na Copa do Brasil, após derrota por 1 a 0 para o Coritiba, no Couto Pereira - em Campinas, havia empatado por 2 a 2. Para o treinador, é esta a determinação que ele quer de seus comandados na disputa da Série B do Campeonato Brasileiro, com disposição suficiente para buscar o acesso à primeira divisão.

AE, Agencia Estado

20 de maio de 2009 | 19h31

"Nosso time jogou uma ótima partida, mas não deu. Esse é o time nosso na temporada. Temos que jogar desta maneira. Não podemos perder este caminho. Temos que jogar sempre assim na Série B", explicou nesta quarta-feira Marco Aurélio, que vê com bons olhos a cobrança dos próprios jogadores. "A cobrança sempre vai existir. Agora, esta cobrança tem que ser maior por parte da gente."

O elenco ganhou folga na manhã desta quarta-feira, mas à tarde todos trabalharam. Para o duelo contra o Ipatinga, neste sábado, às 16h10, em casa, pela terceira rodada da Série B, o meia Fabiano Gadelha, principal contratação do time, deve ficar à disposição de Marco Aurélio. A Ponte Preta está na sétima colocação, com quatro pontos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.