Felipe Trueba / EFE
Felipe Trueba / EFE

Mesmo favorita, Bélgica prevê jogo difícil contra a Tunísia

Técnico Roberto Martínez diz que cobranças de Hazard a Lukaku são normais e que grupo está unido

Gonçalo Junior, enviado especial / Moscou, O Estado de S.Paulo

22 Junho 2018 | 10h46

O treinador espanhol Roberto Martínez, que comanda o estrelado elenco belga na Copa do Mundo, espera um confronto difícil contra a Tunísia, sábado, em Moscou, às 9h (de Brasília). Na primeira partida do Grupo G, os tunisianos foram derrotados pela Inglaterra por 2 a 1; a Bélgica venceu o Panamá por 3 a 0.

+ Em grande fase na Bélgica, Hazard avisa: 'Essa deve ser a minha Copa do Mundo'

+ Técnico celebra crescimento da Bélgica e prevê volta de Kompany contra Inglaterra

+ Tunísia terá bom desempenho contra a Bélgica, projeta craque cortado

"Eles têm muita dinâmica e entrosamento. Os jogadores têm intensidade. Nos contra-ataques eles são sempre uma ameaça e podem jogar um futebol rápido e eficiente. Sabem se defender muito bem e também fazer gols, então acho que eles têm uma mistura muito boa e competitiva", elogiou o treinador em entrevista coletiva nesta sexta-feira em Moscou. "Além disso, as duas equipes precisam vencer".

O treinador espanhol voltou a elogiar dois jogadores da Tunísia: o camisa 10, Kharzi, e o 23, Sliti. "Eles envolveram os adversários nos últimos dois ou três jogos. Será um grande desafio", completou o treinador da Bélgica.

A entrevista foi a primeira depois das críticas do capitão Hazard a Lukaku no jogo contra o Panamá. O meia afirmou que o camisa 9 Lukaku se escondeu no jogo e que eles jogaram "com um a menos no primeiro tempo". Depois, ele voltou atrás e afirmou que era uma cobrança como capitão e elogiou o centroavante. O treinador afirmou que o grupo está unido e que as cobranças foram normais para um jogo de Copa do Mundo.

 

O zagueiro Thomas Vermaelen treinou normalmente nesta quinta-feira e está perto de estrear na Copa do Mundo. O defensor do Barcelona deve jogar somente contra a Inglaterra, na próxima quinta-feira, pela terceira rodada do Grupo G. Vermaelen se recupera de uma lesão no bíceps femoral, sofrida em um jogo do Barcelona, em maio.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.