Mesmo fora de casa, Joinville busca manter a reação contra o Atlético-MG

O Joinville conquistou na última rodada a sua primeira vitória no Campeonato Brasileiro e passou a lanterna para o Vasco. Agora, o time catarinense tenta manter a reação diante do Atlético Mineiro, neste domingo, às 11 horas, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, pela nona rodada.

Estadão Conteúdo

28 de junho de 2015 | 07h33

A tarefa não será fácil e o técnico Adilson Batista reconhece isso. Para o treinador, o Joinville enfrentará a melhor equipe da competição. "Está jogando um futebol convincente, bonito, gostoso, rápido, com ultrapassagem, uma dinâmica de jogo, com intensidade. Cada peça que entra dá um volume de jogo. Mas nós também temos qualidade e vamos encarar sem medo", comentou.

Se não bastasse enfrentar uma equipe que briga na ponta da tabela de classificação, Adilson Batista terá que superar alguns desfalques para manter a reação do time na competição. No duelo deste domingo, ele não contará com os laterais Diego e Mario Sérgio e também com os volantes Anselmo e Augusto César.

Para tentar confundir o adversário, o técnico optou por fechar o treino tático da última sexta-feira e escondeu a escalação. A principal novidade pode ser a entrada do meia Niltinho na lateral esquerda. "Ele já exerceu essa função. Não vejo problema nisso", disse Adilson Batista.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoJoinville

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.