Divulgação/Avaí
Divulgação/Avaí

Mesmo rebaixado, Avaí acerta renovação do técnico Claudinei Oliveira

Treinador permanece no clube mesmo com a queda para segunda divisão

Estadão Conteúdo

13 de dezembro de 2017 | 17h50

Apesar de ter encerrado o último Campeonato Brasileiro na 18.ª colocação e ter sido rebaixado, o Avaí anunciou nesta quarta-feira a manutenção de seu treinador. Claudinei Oliveira tinha contrato somente até este fim de ano, mas renovou por uma temporada e será o comandante do time catarinense em 2018.

+ Nelsinho Baptista festeja volta ao Sport, mas evita promessas para 2018

"A conversa foi muito tranquila, muito objetiva. Havia interesse das duas partes na continuidade. Nos ajustamos, claro, à nova realidade do clube, numa conversa bem aberta, bem franca. Agora, é arregaçar as mangas novamente e começar a trabalhar", declarou, em comunicado divulgado pela sua assessoria de imprensa.

Claudinei chegou a encaminhar a renovação com o Avaí durante o Brasileirão, mas uma série de maus resultados interrompeu as negociações. Na reta final da competição, então, o time catarinense esboçou uma reação, que não foi suficiente para mantê-lo na Série A.

A diretoria, no entanto, decidiu apostar na manutenção do trabalho do técnico que está desde agosto de 2016 no clube. "No Brasil, é sempre muito interessante a possibilidade de fazer um trabalho de longo prazo, sempre muito bom. Às vezes, supera até a parte financeira, né? Você poder trabalhar suas ideias, montar e remontar sua equipes. Fazer tudo isso para o meu crescimento profissional e minha carreira é muito interessante", considerou Claudinei.

Em 2018, seu principal objetivou será recolocar a equipe na elite. "O projeto, obviamente, é voltado pra recolocar o Avaí na Série A. Vamos buscar o título estadual, claro, mas sem loucuras financeiras, entendendo a realidade do Avaí. Mas já vamos entrar na Série B com uma equipe forte, uma base sólida, buscar alguns reforços pontuais e buscar esse acesso novamente."

Tudo o que sabemos sobre:
Claudinei OliveiraAvaí Futebol Clube

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.