Messi aprova escolha de Maradona para dirigir Argentina

Recentemente, craque do Barcelona e ex-jogador trocaram farpas quanto ao estilo de jogo do atleta

AE, Agencia Estado

29 de outubro de 2008 | 10h10

Lionel Messi aprovou a escolha de Diego Maradona para comandar a seleção argentina, afirmou o atacante em entrevista ao jornal La Gazzetta dello Sport. Recentemente, o novo treinador da seleção criticou o jogador do Barcelona, afirmando que Messi é muito egoísta.   Veja também: Veja todos os passos da carreira do argentino Maradona Vote: Maradona terá sucesso como técnico de futebol?Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão "Eu sei que Diego [Maradona] gosta do meu estilo e não tenho qualquer rancor", afirmou. "Não há qualquer problema. Ele é ótimo e eu o admiro por tudo que fez pelo futebol argentino", elogiou. A oficialização da escolha de Maradona ainda não foi feita, mas a expectativa é que ocorra nesta quinta-feira, quando o astro argentino completará 48 anos. Carlos Bilardo também deve ser confirmado como coordenador da seleção argentina. Principal estrela da equipe olímpica, que conquistou a medalha de ouro nos Jogos de Pequim, Messi acredita que a Argentina logo conquistará um novo título mundial. A equipe foi campeã pela última em 1986, quando derrotou a Alemanha na final. "Estou otimista. A geração que ganhou a Olimpíada está subindo. Em 2006, se tivéssemos sido um pouco mais felizes contra a Alemanha, teríamos ganho", comentou, lembrando da derrota nas quartas-de-final na disputa de pênaltis. "A Argentina está há muito tempo sem ganhar a Copa do Mundo".  

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.