Messi dá esperança aos argentinos

A Argentina derrotou o Peru por 2 a 0, na noite de domingo, em Buenos Aires, mantendo a liderança isolada das Eliminatórias da Copa. Mas o time não jogou bem e, segundo a imprensa local, o que salvou o dia foi a apresentação do jovem atacante Lionel Messi, que tem apenas 18 anos e fez sua estréia como titular da seleção principal.Messi já é destaque no Barcelona e chega agora à seleção principal da Argentina. Contra o Peru, ele sofreu o pênalti que resultou no gol de Riquelme - o outro foi contra, de Guadalupe - e fez as melhores jogadas do time.?A Era Messi. O garoto fez várias jogadas com sua marca, sofreu um pênalti e recebeu o apoio do público. Messi mostrou que não sentiu o peso da camisa e que pode ir ao Mundial?, diz o jornal El Clarín, o mais tradicional da Argentina.Para o jornal esportivo Olé, o jovem jogador do Barcelona já garantiu sua vaga na seleção que vai à Copa. ?Bebê a bordo?, estampa a manchete do diário, com a foto do atacante de 18 anos. ?Messi estreou e foi o destaque de uma pálida seleção. Ele provou que deve estar no avião rumo à Alemanha/06.?E, segundo o jornal Diario Popular, ?a seleção não apareceu?. Mas ?Messi mostrou que é o novo ídolo da torcida e jogou acima do nível apagado do time.?O técnico da seleção, José Pekerman, também se rendeu ao talento de Messi, jogador que conduziu a Argentina ao recente título mundial Sub-20. ?Ele é um fenômeno, uma jóia. Nos dará muitas alegrias, com certeza?, afirmou.Mas Messi ainda não está garantido no time que vai enfrentar o Uruguai na quarta-feira, em Montevidéu. Pekerman costuma fazer um rodízio de jogadores e não deve ser diferente dessa vez, apesar dos argentinos já estarem garantidos na Copa e precisaram apenas de um empate para garantirem o título simbólico das Eliminatórias - estão com 3 pontos na frente do Brasil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.