Messi diz que erros provocaram derrota da seleção argentina

Messi diz que erros provocaram derrota da seleção argentina

Após perder para a seleção brasileira, argentinos volta a campo na próxima terça-feira, quando vai enfrentar Hong Kong fora de casa

Estadão Conteúdo

11 de outubro de 2014 | 14h06

O atacante Lionel Messi avaliou que os erros cometidos pela Argentina custaram caro e acabaram sendo a razão para a derrota neste sábado para a seleção brasileira por 2 a 0, em Pequim, pelo Superclássico das Américas. O próprio craque assumiu a sua parcela de culpa pelo tropeço, especialmente pelo pênalti desperdiçado quando o Brasil vencia apenas por 1 a 0.

"Se definiu por erros no primeiro gol e o pênalti. Foram determinantes. Se convertesse, mudava a partida. Fomos melhores no começo, mas não aproveitamos. Eles marcaram na primeira chance que tiveram", afirmou Messi, destacando que a proposta de jogo do Brasil de atuar nos contra-ataques teve mais êxito. "Eles queriam defender e sair nos contra-ataques. Com o 2 a 0, surgiram os espaços", completou.

Agora sob o comando de Gerardo Martino, que assumiu a equipe após a disputa da Copa do Mundo, a Argentina sofreu a sua primeira derrota, depois do treinador estrear com um triunfo por 4 a 2 sobre a Alemanha. Após a equipe ser batida pelo Brasil, Messi pediu paciência. "A seleção está passando por um processo de mudança com um novo técnico. E isso requer treinamento e tempo", completou.

Após perder para a seleção brasileira, a Argentina volta a entrar em campo na próxima terça-feira, quando vai enfrentar Hong Kong fora de casa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.