Messi é acusado de participar de confronto em bar

O atacante argentino Lionel Messi foi acusado nesta segunda-feira de ter participado de uma briga em um bar de Rosario, sua cidade natal, na noite do dia 19 de janeiro. Os donos do estabelecimento, chamado "Club Social y Deportivo", prestaram uma queixa contra o jogador por danos materiais.O incidente teria acontecido enquanto Messi, de 19 anos, esteve na Argentina recuperando-se de uma fratura em um dos dedos do pé esquerdo, sofrida em novembro do ano passado. Segundo o jornal La Capital, de Rosario, o atacante teria, juntamente com familiares e amigos, brigado com um grupo que se encontrava no local. Uma balconista do bar disse a uma rádio local que durante a briga vários vasos e garrafas foram quebrados.A denúncia foi recebida pelo juiz Adolfo Claverie, do sexto Juizado Correcional de Rosario. Ele se negou a confirmar ou desmentir a notícia. O advogado da família de Messi, Ricardo Guisepponi, confirmou que o jogador estava com seus irmãos no local durante o incidente, mas negou a participação de seus clientes na confusão.Messi voltou à Espanha na semana passada para completar a última etapa de sua recuperação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.