Messi faz 3 gols e comanda goleada do Barça na estreia da Liga dos Campeões

Neymar tem boa atuação, mas é o craque argentino quem decide mais uma vez

AE, Agência Estado

18 de setembro de 2013 | 17h45

BARCELONA - Escalado como titular, Neymar teve boa atuação em sua primeira vez na Liga dos Campeões da Europa. Mas quem brilhou mesmo foi Messi. Como sempre, o craque argentino comandou a vitória do Barcelona, ao marcar três gols na goleada por 4 a 0 sobre o Ajax, nesta quarta-feira, no Camp Nou.

Assim, logo na primeira rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões, já começou o duelo particular entre Messi e Cristiano Ronaldo. Os dois astros lideram a artilharia da competição - o português também fez três gols no dia anterior, nos 6 a 1 do Real Madrid sobre o Galatasaray.

Para a estreia na Liga dos Campeões, o técnico Gerardo Martino resolveu poupar o meia Xavi, que ficou no banco de reservas e só entrou no segundo tempo. Mas escalou Messi e Neymar juntos no ataque, o que acabou atormentando a defesa da equipe holandesa durante a maior parte do jogo.

Até ser substituído por Pedro aos 27 minutos do segundo tempo, Neymar foi um dos destaques da partida. Partindo para cima da marcação adversária, criou boas chances de gol. E, pouco antes de sair de campo, ainda deu o lançamento perfeito para o zagueiro Piqué marcar o terceiro gol.

Mas Neymar não conseguiu ofuscar o brilho de Messi na estreia. O argentino abriu o placar numa bela cobrança de falta aos 22 minutos de jogo. E fez o segundo já na etapa final, ao cortar a marcação para a esquerda e chutar forte aos 10. Na sequência, saiu o gol de cabeça de Piqué.

Messi ainda marcaria mais um, aos 30 minutos, com a habitual categoria para chutar da entrada da área, sem chances de defesa para o goleiro. O Ajax teve a chance de descontar, no pênalti cobrado por Sigthórsson, mas o goleiro Victor Valdes defendeu e garantiu o placar de 4 a 0.

No outro jogo desse Grupo H, o Milan sofreu para confirmar o favoritismo diante do Celtic. Sem o brasileiro Kaká, contundido, o time italiano recebeu o rival escocês no San Siro, nesta quarta-feira, e só garantiu o placar de 2 a 0 nos minutos finais - Izaguirre (contra) e Muntari fizeram os gols.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.