AP Photo/Michel Euler
AP Photo/Michel Euler

Messi marca, PSG empata com o Lens e garante título antecipado do Campeonato Francês

Craque argentino abre placar para equipe parisiense e ajuda na conquista de mais um troféu

Redação, O Estado de S.Paulo

23 de abril de 2022 | 18h08

O Paris Saint-Germain precisava de um ponto para ser campeão francês, neste sábado, e conseguiu, ao ficar no 1 a 1, com o Lens, no Parque dos Príncipes, na capital francesa, em duelo válido pela 34ª rodada do Campeonato Francês.

O PSG chegou aos 78 pontos, 16 à frente do Olympique de Marselha, que só tem mais cinco jogos a disputar no campeonato. O Lens, com 54 pontos, é o sétimo.

A superioridade do PSG no primeiro tempo foi impressionante. O trio formado por Neymar, Messi e Mbappé criou várias oportunidades, mas falhou na hora de concluir as jogadas.

Com isso, o Lens tentou atuar no contra-ataque, mas pouco produziu de efetivo. Aos 39 minutos, a melhor chance quando Florian Sotoca deixou Jonathan Clauss livre pela direita, mas a finalização foi bloqueada pela boa defesa de Navas.

O panorama continuou o mesmo na etapa final. Uma cobrança rápida de falta de Verratti, aos sete minutos, colocou Mbappé na cara do gol, mas Christopher Wooh salvou em cima da linha. Em seguida, Messi forçou o goleiro Leca a fazer bela defesa. Até o veterano Sergio Ramos teve grande oportunidade, mas desperdiçou.

Aos 12 minutos, o Lens ficou com dez jogadores porque Danso foi expulso. O domínio do PSG ficou ainda maior e o gol saiu aos 23. Neymar passou para Messi na entrada da área e o argentino mandou a bomba: 1 a 0.

Com a vantagem no placar, o PSG pareceu sentir a parte física e diminuiu o ritmo. O Lens aproveitou para fazer seu gol, após bela jogada de todo o ataque. Jean completou para empatar, aos 43 minutos.

O título foi festejado de forma tímida pelos jogadores, afinal o objetivo principal da temporada, o título da Liga dos Campeões, mais uma vez foi adiado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.