Messi pede para que Barcelona renove com Guardiola

O astro Lionel Messi fez campanha nesta quinta-feira para que o Barcelona renove o contrato do técnico Josep Guardiola, que vence no final de junho. Eleito o melhor jogador do mundo pela Fifa nos dois últimos anos, o atacante argentino disse que não se imagina comandado por outro treinador no clube espanhol.

AE, Agência Estado

13 de janeiro de 2011 | 17h14

"Depois de tudo o que ele deu ao Barça e de ver como está a equipe com ele, é difícil imaginar um Barcelona sem Guardiola", disse Messi, durante um evento publicitário da Adidas, sua patrocinadora pessoal.

Apesar de ter sido promovido ao elenco profissional do Barcelona por Frank Rijkaard, em 2004, Messi se firmou mesmo sob o comando de Guardiola, com quem trabalha desde 2008.

O técnico, de 39 anos, conquistou oito títulos em três temporadas à frente da equipe: um Mundial de Clubes da Fifa (2009) uma Liga dos Campeões (2008/2009), uma Supercopa Europeia (2009), dois Campeonatos Espanhóis (2008/2009 e 2009/2010), uma Copa do Rei (2008/2009) e duas Supercopas da Espanha (2009 e 2010).

Guardiola e Barcelona têm conversado há um longo tempo sobre a renovação do vínculo, mas ainda não chegaram a um acordo sobre salários.

BOLA DE OURO - Messi também falou sobre o prêmio de melhor jogador do mundo, recebido na segunda-feira, em Zurique, na Suíça. O argentino venceu a disputa com dois companheiros de clube, o volante Xavi e o meia Iniesta, e disse que não há clima de concorrência entre eles.

"Sou muito consciente de que sem meus companheiros não poderia ganhar esses prêmios. Nossa relação segue igual. Todos meus companheiros me felicitaram e isso é o mais importante para mim", comentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.