Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE
Albert Gea/Reuters
Albert Gea/Reuters

Messi pega suspensão de dois jogos por causa de expulsão na final da Supercopa

Arbitro escreveu na súmula do jogo que Messi acertou seu oponente com "força excessiva"

Redação, Estadão Conteúdo

19 de janeiro de 2021 | 11h50

O Comitê de Disciplina da Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF) anunciou, nesta terça-feira, a suspensão por dois jogos de Lionel Messi, do Barcelona, por ter agredido Asier Villalibre, atacante do Athletic Bilbao na final da Supercopa da Espanha. O lance valeu o primeiro cartão vermelho do craque argentino em jogos do time catalão.

Messi corria o risco de sofrer uma punição de até 12 jogos, mas o comitê não considerou a agressão grave e aplicou uma pena mais branda. Nos últimos momentos da prorrogação do jogo, no qual o Barcelona perdeu por 3 a 2, Messi, após passar a bola para o lado esquerdo, balançou o braço direito e atingiu a cabeça de Villalibre, enquanto corriam em direção à área.

Villalibre imediatamente caiu no chão e, após uma análise do VAR, Messi foi expulso O argentino disputou 753 jogos no time principal do Barcelona até receber seu primeiro vermelho. O astro já havia recebido o mesmo cartão duas vezes em atuações pela seleção da Argentina. Uma em amistoso de 2005 contra a Hungria e outra na Copa América de 2019 diante do Chile. Ele também foi expulso uma vez quando jogava pelo time "B" do Barcelona.

O árbitro Gil Manzano escreveu na súmula do jogo que Messi acertou seu oponente com "força excessiva", enquanto a bola não estava perto dele. Messi vai perder o jogo do Barcelona contra o Cornella, da terceira divisão, na Copa do Rei, e o duelo com o Elche pelo Campeonato Espanhol.

A participação do argentino na final da Supercopa da Espanha era duvidosa por causa de uma lesão, que o deixou de fora da semifinal contra a Real Sociedad, quando o Barcelona venceu em uma disputa de pênaltis. Messi, que deve deixar o Barcelona ao final da temporada, tem um desempenho discreto com 14 gols marcados, após 22 jogos disputados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.