Frank Fife/AFP
Frank Fife/AFP

Messi tem problema no joelho diagnosticado e fica fora de jogo do PSG contra o Metz nesta quarta

Jogador precisará de novos exames de imagens para saber tamanho da gravidade da lesão e dos procedimentos no clube francês; ele ainda não marcou gol no Paris

Redação, Estadão Conteúdo

21 de setembro de 2021 | 11h09

O Paris Saint-Germain não terá Messi em campo contra o Metz, nesta quarta-feira, fora de casa, pela sétima rodada do Campeonato Francês. Um dos principais astros do elenco está machucado. Substituído na reta final do duelo com o Lyon, no último domingo, Messi sofreu sua primeira lesão desde a chegada ao PSG e o clube emitiu comunicado oficial nesta terça anunciando que o argentino tem um problema ósseo no joelho esquerdo.

O departamento médico do Paris Saint-Germain revelou que Messi realizou uma ressonância magnética no joelho esquerdo depois de receber uma pancada no local. O exame encontrou sinais de uma contusão óssea e o astro precisará passar por uma nova avaliação na quinta-feira para saber se houve evolução de seu quadro clínico.

A notícia da lesão de Messi surge depois de o técnico argentino Mauricio Pochettino substitui-lo aos 31 minutos do segundo tempo do jogo contra o Lyon, quando os dois times empatavam por 1 a 1, em uma troca com o lateral-direito marroquino Hakimi que gerou polêmica. O astro demonstrou certo incômodo ao deixar o campo - o treinador estendeu a mão para cumprimentar Messi, que passou por ele e apenas o olhou. Diversos torcedores reclamaram muito da mudança.

Depois da partida, Pochettino foi questionado sobre a reação de Messi e minimizou o episódio. "Todo mundo sabe que temos grandes jogadores. A decisão foi feita para os 11 iniciais e, depois, pensamos no melhor para cada jogador. São decisões que às vezes ficam bem, às vezes, não. Mas são decisões que precisamos tomar", disse. "Eu perguntei para ele (Messi) como ele estava. Ele disse que tudo bem", acrescentou.

Sem poder contar com Messi, que ainda não fez gol após três jogos, o Paris Saint-Germain pode ter o retorno do volante italiano Marco Verratti, que voltou a treinar no campo nesta terça-feira. Enquanto isso, o zagueiro espanhol Sergio Ramos continua em sua preparação em separado, buscando retomar a forma física para poder fazer a estreia pelo clube.

O Paris Saint-Germain está isolado na liderança do Campeonato Francês com 18 pontos, fruto de seis vitórias em seis jogos disputados, seguido pelo Olympique de Marselha com 13, mas que tem uma partida a menos. O Metz está na lanterna, na 20.ª colocação, com apenas três pontos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.