Frank Augstein/AP
Frank Augstein/AP

Messi surpreende e é eleito o melhor jogador do mundo pela 2.ª vez seguida

Argentino desbanca Iniesta e Xavi, seus companheiros de Barcelona, e fatura a bola de ouro novamente

estadão.com.br,

10 de janeiro de 2011 | 16h58

SÃO PAULO - O argentino Lionel Messi, do Barcelona, surpreendeu nesta segunda-feira e foi eleito pelo segundo ano consecutivo o melhor jogador de futebol do mundo. Na premiação da Bola de Ouro da Fifa, realizada em Zurique (Suíça), referente à temporada 2010, ele superou seus companheiros de equipe Andrés Iniesta e Xavi, ambos campeões do mundo com a Espanha na África do Sul no ano passado.

Veja também:

linkMarta eleita a melhor do mundo pela 5.ª vez seguida

especialTodos os premiados com a Bola de Ouro da Fifa

forum VOTE - Você aprova a escolha de Messi como Bola de Ouro?

Messi se iguala a Ronaldinho Gaúcho, que também ganhou o prêmio duas vezes na carreira. Os recordistas ainda são Ronaldo Fenômeno e Zinedine Zidane, que foram eleitos em três oportunidades.

No entanto, se em 2009 o triunfo de Messi havia sido tranquilo e esperado, em 2010 foi bem diferente. Todos esperavam que Xavi ou Iniesta ganhasse, afinal, em ano de Copa do Mundo, a Fifa costuma conceder a glória a um atleta da equipe campeã.

Ao levantar para receber o prêmio, o próprio jogador argentino demonstrou estar surpreso. "Não esperava vencer. É uma felicidade muito grande e quero compartilhar com meus companheiros, pois sem eles não estaria aqui", declarou o craque. Em 2010, o título mais importante conquistado por Messi foi o Campeonato Espanhol, com o Barça.

Técnico. A Fifa também elegeu nesta segunda o melhor treinador de 2010, e o ganhador foi o português José Mourinho, do Real Madrid. Antes de se transferir para o clube espanhol, ele brilhou na Inter de Milão e levou o time italiano ao título da Liga dos Campeões.

No seu discurso, ele elogiou os concorrentes na briga pelo troféu. "Gostaria de dar os parabéns a dois fantásticos treinadores, Vicente Del Bosque [campeão do mundo com a Espanha] e Pep Guardiola [do Barcelona]. Trabalhei muito para chegar aqui, mas não cheguei aqui sozinho."

Seleção. No time ideal da temporada 2010, dois brasileiros entraram: o lateral-direito Maicon e o zagueiro Lúcio. Casillas, Piqué, Puyol, Iniesta, Xavi, Sneijder, Cristiano Ronaldo, David Villa e Lionel Messi foram os outros escolhidos.

Gol. Já o gol mais bonito de 2010 foi anotado por Altintop, da Turquia, que recebeu o prêmio das mãos do goleiro do Casaquistão, Sidelnikov, justamente o jogador que sofreu o golaço - um chute de primeira de fora da área após cobrança de escanteio.

A Fifa também homenageou o futebol do Haiti, que se reergueu mesmo após o forte terremoto sofrido em janeiro do ano passado, e o bispo sul-africano Desmond Tutu.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.