Mexicano de 71 anos joga partida oficial pelo Chivas

Salvador Reyes, maior artilheiro da história do clube, com 122 gols, permaneceu em campo por 50 segundos

EFE

20 de janeiro de 2008 | 01h44

O lendário jogador mexicano Salvador Reyes, de 71 anos, se transformou neste sábado no homem mais velho a jogar uma partida oficial do futebol mexicano ao ser escalado como titular do Chivas de Guadalajara no confronto contra os Pumas de la Unam. Reyes, nascido em 1936 e maior artilheiro da história do Chivas, com 122 gols, trocou passes com o volante Ramón Morales e permaneceu em campo por 50 segundos antes de ser substituído por Omar Bravo. A presença de Reyes no gramado do estádio Jalisco foi uma homenagem prestada pelo Chivas a sua geração, que entre 1957 e 1967 venceu cinco Campeonatos Mexicanos. O veterano atleta foi registrado na Federação Mexicana como jogador em atividade e usou a camisa 57, número relativo ao ano no qual com um gol seu o Chivas conquistou seu primeiro campeonato nacional na época de ouro do clube. "É melhor assim, que reconheçam seu trabalho em vida. Não tenho palavras para dizer como estou emocionado", disse Reyes, que abandonou os gramados há 36 anos e que é pai do técnico Salvador Reyes, que atualmente dirige o Necaxa. Após 15 anos com a camisa do Chivas, Reyes defendeu o Santos Laguna, o San Luis e teve uma passagem pelo futebol dos Estados Unidos.

Tudo o que sabemos sobre:
ChivasReyes

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.