Mexicano volta a treinar no Arsenal após isolamento

O atacante mexicano Carlos Vela voltou a treinar no Arsenal nesta terça-feira, depois de ficar afastado das atividades do clube por um dia. O afastamento foi uma precaução devido à gripe suína.

AE-AP, Agencia Estado

28 de abril de 2009 | 13h54

Vela, de 20 anos, foi isolado do restante do elenco na segunda-feira, depois de receber a visita de amigos mexicanos durante o fim de semana. Ele passou por exames nesta terça e foi liberado pelos médicos do clube para voltar às atividades.

No México, mais de 150 pessoas já tiveram suas mortes atribuídas ao vírus nos últimos dias. A Confederação de Futebol da América Central, do Norte e Caribe (Concacaf) já cancelou um torneio sub-17 de seleções, e adiou seu campeonato de futebol de areia.

A final da Liga dos Campeões, entre os Atlante e Cruz Azul, teve sua data adiada para o dia 12 de maio. Eles jogariam nesta quarta-feira, por uma vaga no Mundial de Clubes da Fifa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.