México abre Eliminatórias com vitória na estreia de Osorio; EUA goleiam por 6 a 1

Encerrada na madrugada deste sábado (no horário de Brasília), a primeira rodada da terceira fase das Eliminatórias da Concacaf para a Copa do Mundo de 2018 marcou a estreia de Juan Carlos Osorio no comando da seleção mexicana. Ex-técnico do São Paulo, ele teve sucesso ao ver o time nacional derrotar El Salvador por 3 a 0, no estádio Azteca, na Cidade do México.

Estadão Conteúdo

14 Novembro 2015 | 10h53

O comandante colombiano pediu demissão do São Paulo no início do mês passado após receber o convite para substituir o demitido Miguel Herrera e saiu de campo "satisfeito com o comportamento ofensivo" da seleção mexicana, que com o triunfo assumiu a liderança do Grupo A do qualificatório da América Central e do Norte para o Mundial, com três pontos.

Osorio, porém, acredita que o México poderia ter aproveitado ainda melhor as oportunidades que teve de marcar no jogo no qual Andres Guardado e Héctor Herrera abriram 2 a 0 com gols aos 7 e 42 minutos do primeiro tempo, respectivamente, antes de Carlos Vela definir o 3 a 0 aos 18 minutos da etapa final.

"Do lado ofensivo, ainda que tenhamos feitos gols o suficiente, acho que no último terço do jogo nos faltou eficiência. É certo que terão jogos nas Eliminatórias nos quais não vamos ter tantas opções e temos de finalizar melhor", alertou o comandante.

No outro jogo do Grupo A, o Canadá venceu Honduras por 1 a 0, também em casa, e foi aos três pontos, mas está atrás dos mexicanos pelo saldo de gols inferior.

ESTADOS UNIDOS ATROPELAM - Outra seleção que começou com tudo a sua campanha nas Eliminatórias da Concacaf foi a dos Estados Unidos. Atuando em casa diante da frágil San Vicente e Granadinas, os norte-americanos golearam por 6 a 1, em St. Louis, no Missouri, e se garantiram na liderança do Grupo C.

Curiosamente, a equipe visitante saiu na frente com um gol logo aos 5 minutos do primeiro tempo, marcado por Oalex Anderson. Porém, a equipe comandada pelo alemão Juergen Klinsmann reagiu rápido e já na etapa inicial virou o placar com gols de

Bobby Shou Wood, Fabian Johnson e Jozy Altidore. Na etapa final, Geoff Cameron,

Gyasi Zardes e novamente Altidore selaram o 6 a 1.

No outro duelo válido pelo Grupo C, Trinidad e Tobago venceu a Guatemala por 2 a 1, fora de casa, e também foi aos três pontos, mas está em desvantagem no saldo em relação aos norte-americanos.

A Costa Rica, grande surpresa da Copa do Mundo de 2014, na qual só foi cair nos pênaltis diante da Holanda nas quartas de final, também abriu de forma vitoriosa a sua campanha na terceira fase das Eliminatórias da Concacaf. Em duelo válido pelo Grupo B, os costarriquenhos venceram o Haiti por 1 a 0, em casa, com um gol de Cristian Gamboa aos 30 minutos do primeiro tempo.

A liderança desta chave, porém, ficou com o Panamá, que superou a Jamaica por 2 a 0, fora de casa, e acumulou melhor saldo de gols. Armando Cooper e Alberto Quintero balançaram as redes no triunfo panamenho.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.