México discute novas leis para torcedores

A briga generalizada entre os jogadores do São Caetano e do América, com a seguinte invasão da torcida local ao gramado do estádio Azteca, na madrugada desta quarta-feira, já está causando repercussão. Tanto que o governo mexicano começa a pensar na implantação de uma legislação mais severa para os torcedores violentos.A batalha campal no Azteca, após o São Caetano eliminar o América nas oitavas-de-final da Libertadores, deixou ao menos 10 feridos e 7 torcedores presos. ?Concordo que endureçam as leis para punir exemplarmente aqueles que causem violência em áreas esportivas?, afirmou nesta quarta-feira um alto funcionário da Secretaria de Segurança Pública, Manuel Mondragón.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.