Bruno Cantini/Atlético
Bruno Cantini/Atlético

Micale enaltece domínio do Atlético-MG e reforça foco na Primeira Liga

Time mineiro aguarda adversário vindo do confronto entre Londrina e Cruzeiro

Estadao Conteudo

03 de setembro de 2017 | 10h18

O técnico Rogério Micale aprovou o desempenho do Atlético Mineiro na vitória sobre o Paraná neste sábado, por 1 a 0, no Independência, em Belo Horizonte, que garantiu a equipe na decisão da Copa da Primeira Liga, e reforçou que o clube está focado na competição.

Diferentemente das outras grandes equipes, que sempre escalaram um time misto na Primeira Liga, Micale colocou em campo neste sábado os seus titulares. O treinador explicou que considera o torneio importante e, assim, o Atlético Mineiro está focado na busca do título - o adversário da final, que será disputada em 8 de outubro, sai da outra semi entre Cruzeiro e Londrina.

"O mais importante foi a postura da equipe em campo, com um domínio muito bom, principalmente no primeiro tempo. Tentamos várias vezes alguns gols, não conseguimos e, no final, eles pressionaram um pouco, o que é normal. Estou muito feliz e espero ganhar. Independente do adversário, queremos muito esse título", garantiu Micale.

Apesar de satisfeito com o desempenho, o treinador ponderou que o Atlético poderia ter liquidado antes a classificação. "Conversei um pouco agora no vestiário, mas não é o momento, que a gente precisa tentar matar o jogo para não sofrer tanto, mas esse sofrimento não tem só o lado ruim, tem um lado positivo."

Na avaliação de Micale, esse "sofrimento" pode ser encarado como algo favorável porque vem dando consistência ao time. "Nem sempre vamos ter o domínio total o tempo todo. Teremos momentos em que vamos precisar saber sofrer, contra-atacar e matar o jogo. Hoje (sábado), contra-atacamos, mas, infelizmente, a bola não entrou. O que me deixa satisfeito é o volume de jogo. Saio daqui satisfeito com a postura da equipe", reforçou.

Notícias relacionadas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.