Divulgação
Divulgação

Michel Bastos dá susto em treino do São Paulo, mas deve jogar clássico

Jogador sofreu um corte em um dos dedos do pé esquerdo

CIRO CAMPOS, O Estado de S. Paulo

03 de agosto de 2015 | 17h25

O São Paulo se reapresentou nesta segunda-feira no CT da Barra Funda após dois dias de folga e já teve um susto no treino desta tarde. O meia Michel Bastos cortou um dos dedos do pé esquerdo e precisou sair mais cedo da atividade. Apesar disso, o jogador não preocupa e deve ser titular no jogo do próximo domingo contra o Corinthians, no Morumbi, pelo Campeonato Brasileiro.

O jogador sentiu dores enquanto tentava dominar uma bola, tirou as chuteiras e logo saiu do gramado. Ele até tentou voltar, mas o técnico Juan Carlos Osorio preferiu poupar o meia do restante da atividade. Os jogadores fizeram um trabalho em campo reduzido de movimentação e finalização. Os jogadores só atuaram em uma das metades do gramado e um dos times era obrigado a compactar a marcação para defender em três diferentes gols.

O trabalho teve o retorno do lateral-esquerdo Carlinhos, que foi baixa na derrota por 3 a 1 para o Atlético-MG, na última quarta-feira, em Belo Horizonte. O jogador sentira uma contratura na coxa esquerda pouco antes do início da partida e deu lugar para Reinaldo. Como trabalhou normalmente nesta segunda-feira, deve ser titular no clássico do próximo domingo. O zagueiro Rodrigo Caio não foi campo e permaneceu apenas na academia para trabalho de reforço muscular.

O elenco vai treinar em dois períodos nesta terça-feira e, a partir de quinta, o técnico Juan Carlos Osorio vai começar a fazer treinos táticos fechados dedicados ao clássico de domingo. Sem Alexandre Pato, por questões contratuais, e Luis Fabiano, suspenso, o treinador terá de procurar alternativas para escalar o ataque contra o Corinthians.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão Paulo FCMichel Bastos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.