Lucas Uebel/ Grêmio Fbpa
Lucas Uebel/ Grêmio Fbpa

Michel descarta rótulo de 'jogo do ano' e Kannemann é relacionado no Grêmio

Equipe gaúcha recebe o Corinthians neste domingo em duelo de líderes do Brasileirão

Estadão Conteúdo

24 de junho de 2017 | 16h54

O volante Michel vê o Grêmio preparado física e psicologicamente para enfrentar o Corinthians, neste domingo, às 16 horas, na Arena Grêmio, em Porto Alegre, no confronto válido pela décima rodada do Campeonato Brasileiro e que poderá alterar a liderança da competição. No entanto, apesar de reconhecer a importância do duelo, o jogador não vê a partida como o "jogo do ano" para o time gaúcho.

"Eu não posso colocar como jogo do ano. Porque a gente não pode saber o que vai acontecer daqui para o final do campeonato. A gente pode chegar na reta final e estar brigando com outro time. Por exemplo, Palmeiras ou Flamengo, quem estiver na briga, que não seja o Corinthians. Por isso, não posso citar como jogo do ano. A gente tem que deixar rolar, ver o que vai acontecer no campeonato. É sim um jogo diferente pela situação do campeonato - primeiro e segundo colocados. Quem ganhar vai assumir a liderança. Por isso, há essa expectativa maior sobre a partida", analisou o atleta.

Michel prevê um embate muito difícil contra o time paulista, que venceu sete dos nove jogos disputados até aqui no Campeonato Brasileiro e que ainda está invicto no torneio. O volante destaca a qualidade dos principais jogadores do Corinthians como maior perigo para o time gremista.

"A gente sabe das características de cada jogador do Corinthians. Eles não têm muitos jogadores de velocidade. Mas a qualidade que têm no passe num contra-ataque ou em um lançamento, eles chegam bastante na cara do gol. E isso o Renato (Gaúcho) com certeza vai passar para a gente amanhã (domingo), na preleção, para que a gente consiga sair dessas dificuldades. Mas a gente está trabalhando em cima disso e creio que vamos fazer um bom jogo", projetou o atleta.

O jogador fez questão de valorizar o conjunto como motivo principal para a arrancada da equipe neste primeiro quarto de competição. "O nosso elenco é muito forte, maduro. Cada jogador que sai por lesão, cartão, qualquer coisa que aconteça, o outro jogador está dando conta do recado. Isso está fazendo a diferença", complementou Michel.

RELACIONADOS

O Grêmio finalizou a preparação o duelo contra o Corinthians na manhã deste sábado. O treinamento foi fechado para os jornalistas. O atacante Miller Bolaños e o lateral-esquerdo Marcelo Oliveira, que treinam com o grupo após retornarem de lesão, não estão presentes na lista dos relacionados. O zagueiro Kannemann, que está com uma pubalgia e ficou fora do jogo com o Coritiba, ainda é dúvida, mas vai concentrar. Se não atuar, Thyere deverá jogar novamente em seu lugar.

O técnico Renato Gaúcho relacionou 23 jogadores no Grêmio para o duelo contra o Corinthians. São eles: Arthur, Bressan, Bruno Rodrigo, Conrado, Cortez, Edilson, Everton, Fernandinho, Gastón Fernández, Geromel, Jaílson, Kaio, Kannemann, Léo, Lincoln, Luan, Lucas Barrios, Maicon, Marcelo Grohe, Michel, Pedro Rocha, Rafael Thyere e Ramiro.

Tudo o que sabemos sobre:
GrêmioFutebolGrêmioMichel

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.