Mídia internacional contrapõe atuação de Messi a reclamações de CR7

Craques do Superclássico Espanhol protagonizam repercussão da vitória do Barcelona por 4 a 3

O Estado de S. Paulo

24 de março de 2014 | 08h41

SÃO PAULO - A repercussão internacional do clássico espanhol entre Real Madrid e Barcelona, realizado domingo, focou os dois grandes personagens do encontro. De um lado, as manchetes da imprensa destacam os três gols marcados pelo argentino Lionel Messi na vitória por 4 a 3. Do outro, ressaltam a reclamação do português Cristiano Ronaldo sobre os pênaltis anotados contra o time da capital espanhola. Neymar, um terceiro personagem deste clássico, foi esquecido.

Os principais jornais esportivos dos respectivos países dos craques, Argentina e Portugal, exemplificam a visão divergente sobre o jogaço. No argentino Olé, o destaque é a nova quebra de recordes de Messi, que se tornou o maior artilheiro do Superclássico ao passar Alfredo Di Stéfano. Em Portugal, o site A Bola, dá destaque para a reclamação de Cristiano Ronaldo com a arbitragem.

Embora Neymar tenha sido esquecido pela mídia de forma geral, o atacante brasileiro foi importante para o Barcelona ao cavar um dos pênaltis convertidos por Messi e ainda provocar a expulsão de Sérgio Ramos, dos donos da casa. Naquele momento, Neymar deixaria o gramado para a entrada de Pedro, como ocorreu depois. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.