Milan bate o Siena com gol de estreante de apenas 18 anos

Na volta de Ronaldo, quem brilhou foi o jovem italiano Paloschi na vitória por 1 a 0, no San Siro

Agências internacionais

10 de fevereiro de 2008 | 14h14

O Milan conseguiu mais um importante vitória na 22.ª rodada do Campeonato Italiano, por 1 a 0, sobre o Siena, mas quem marcou não foi brasileiro Ronaldo, que voltava à equipe após se recuperar de lesão muscular, mas o estreante Paloschi, de apenas 18 anos.   Sem Kaká e Alexandre Pato, contundidos, outros brasileiros além do Fenômeno entraram em campo, o lateral-direito Cafu e o esquerdo Serginho. Aliás, foi exatamente no lugar deste último que Paloschi entrou, no segundo temo, e em seu primeiro lance na partida, marcou o gol da vitória rubro-negra aos 17 minutos.   Em outra partida importante da rodada do Italiano, a Juventus bateu a Udinese, de virada, por 2 a 1. O gol dos donos da casa foi marcado aos seis minutos de jogo, por Dossena. A 'Velha Senhora' deixou tudo igual com gol de Camoranesi, aos 16 do segundo tempo, e quinze minutos depois, Ianquita virou para os visitantes.   INTER AMPLIA VANTAGEM Mesmo jogando mal, a Inter de Milão superou o Catania por 2 a 0 fora de casa, na partida que encerrou a 22.ª rodada do Campeonato Italiano, e permaneceu com boa vantagem na liderança. A equipe chega aos 56 pontos e abre oito de vantagem em relação à vice-líder Roma. O Catania é 13º, com 23.   Os gols só saíram no segundo tempo. Aos 19, o argentino Esteban Cambiasso recebeu passe de seu compatriota Zanetti e, em posição duvidosa, mandou para o fundo das redes.   Três minutos depois, o hondurenho David Suazo ampliou. Ele recebeu do sueco Ibrahimovic no meio-campo, fugiu em velocidade e bateu o goleiro. Pouco depois, o árbitro deixou de marcar um suposto pênalti para o time da casa.   Atualizado às 19h53

Tudo o que sabemos sobre:
Campeonato Italiano

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.