Marco Bertorello/AFP
Marco Bertorello/AFP

Milan bate Sassuolo e sobe para terceiro lugar no Italiano

Equipe chega aos 48 pontos com vitória por 1 a 0, no San Siro

Redação, Estadão Conteúdo

02 de março de 2019 | 16h22

Em boa fase, o Milan segue em ascensão no Campeonato Italiano. Neste sábado, em partida válida pela 26ª rodada, o time superou o Sassuolo por 1 a 0, em partida disputada no San Siro, e ascendeu para o terceiro lugar, ultrapassando a rival Inter de Milão.

Invicto há nove jogos na temporada em diferentes competições, o Milan emplacou o quarto triunfo consecutivo no Italiano. E assim chegou aos 48 pontos, com um a mais do que a Inter, batida pelo Cagliari na sexta-feira. O Sassuolo, por sua vez, tropeçou pela quinta vez seguida e parou nos 31 pontos, em 11º lugar.

Recém-convocado por Tite para os amistosos da seleção brasileira contra Panamá e República Checa, Lucas Paquetá iniciou a partida entre os titulares do Milan. Ele levou um cartão amarelo e foi substituído aos 28 minutos do segundo tempo, sem brilhar em campo, embora tenha finalizado duas vezes.

Ainda que sem impor grande pressão, o Milan dominou a partida no San Siro até abrir o placar. Aos 34 minutos, após cobrança de escanteio, Paquetá caiu na grande área pedindo pênalti e o argentino Musacchio se jogou na direção da bola para cabeceá-la, deixando o seu time em vantagem.

A partir daí, o Milan levou alguns sustos, especialmente no fim do primeiro tempo. Em lances quase seguidos, o marfinense Jérémie Boga acertou a trave e ainda teve um gol anulado por impedimento.

A pressão do Sassuolo só foi diminuir a partir dos 18 minutos do segundo tempo, após Consigli errar o tempo da bola para fazer corte e derrubar Piatek fora da área, sendo expulso. Com um a mais, o Milan retomou as rédeas do confronto e assegurou o triunfo que o coloca em terceiro lugar no Italiano.

Em outro jogo disputado neste sábado, Empoli e Parma fizeram um duelo movimentado e empataram por 3 a 3. O Parma esteve três vezes à frente no placar, graças aos gols do marfinense Gervinho, de Luca Rigoni e do português Bruno Alves, mas também cedeu a igualdade ao ser vazado por Cristian Dell’Orco, Francesco Caputo e o argentino Matias Silvestre. O empate levou o Empoli aos 22 pontos, em 17º lugar, enquanto o Parma é o 12º, com 30.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.